terça-feira, 21 de julho de 2009

Ilha.



Na adversidade
O solo macio
Nos acolheu.

Em meio à bruma
O farol do desejo
Nos acendeu

Em marcha implacável
Noites insones, o tempo,
Nos ofereceu

Na realidade
O banzo é uma ilha
Do amor seu.

3 comentários:

Yasmine Lemos disse...

saudade,ilha ,solos fertéis tudo combina ,até o amor que ficou.
linda poesia Evely
beijos

Yasmine Lemos disse...

Obrigada pelos seu jeito de "sentir" minhas poesias...beijão

Zana disse...

Adorei!!!!!!!