quarta-feira, 8 de agosto de 2007

ALÉM DO AMOR.



O que há por trás do amor?
Minha vista não alcança
Nada vejo além da dor.

Ensinaram-me um sortilégio
Para não perder seu amor
Mas não usarei o privilégio:
Amor só se atrai com amor.

Lembraram-me também uns versos
De um gênio da poesia
Rico em seus quatro universos.

Talvez não chegue ao Bojador
Não sei o que fazer com tanto amor,
Que insiste em rimar com a dor.

2 comentários:

Renato Luiz disse...

Ola, minha amiga achei seu blog incrivel!!!

vou falar um pouco sobre seu post de Maria Antonieta!

Bem como você eu também sou louco pela historia esbelta e escandalosa de Maria Antonieta,
na verdade acho que ela foi injustiçada á partir do dia que saiu de sua casa a mando de sua mãe, para ir a Versalhes!!
Chegando lá e tendo que casar com um rei que em minha opinião era gay, também injustiçado por não poder ser o que ele realmente era,
sendo assim os dois viverão uma vida inocente atrás de tanto poder, manipulados como fantoches por terceiras pessoas!
Bem não vou prolongar o meu ponto de vista né!!! Mas bem Uma história muito linda!! Emocionante.
Se eu pudesse voltar atrás e viver num tempo eu viveria nesse tempo!!

Abraços minha amiga e parabéns pelo seu blog!!

Evelyne Furtado disse...

Oi, Renato! Acredita que só vi seu adorável comentário agora? Desculpe,tá? Sou louca por Antonia e concordo com vc que ela começou a ser traída pela mãe quando a mandou à França. Mas era comum na realeza.
Um abraço e obrigada.