quarta-feira, 18 de julho de 2007

Perplexidade e Dor.


Junto-me àqueles que mantém a respiração presa ante ao trágico "acidente" com o avião da TAM em São Paulo. Desde ontem, no fim da tarde, a angústia assumiu seu posto, enquanto esperamos notícias na tv.

A aeronave invadiu às nossas casas, numa explosão de ansiedade, de medo, de dor e desespero.

Antes do protesto, que virá com certeza, ofereço minha solidariedade a todos os envolvidos na tragédia do momento. O país chora seus mortos, enquanto o espetáculo dantesco é exibido nas televisões.

No momento, a perplexidade confunde-se com dor. É hora de abraçar os que sofrem, por meio de orações e assim o faço. Que Deus conforte todos os que perderam pessoas amadas nesse desastre terrível.

A Deus o que é de Deus. Aos homens e mulheres brasileiros a obrigação de exigir competência e rigor das autoridades para evitar que a pátria continue ruindo, sem governo e sem pudor.

2 comentários:

Marcelo F. Carvalho disse...

Que assim seja. Que Deus ampare a todos e os homens possam julgar os culpados.
Abraço forte!

Evelyne Furtado disse...

Tomara, Marcelo! Um abraço para você e boa tarde!
Obrigada!