segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

VALEU A PENA!




Não foi um ano qualquer. Vivi em 2008 emoções fortes. Naveguei com calmaria, vento bom e tempestade.
Fui acariciada, afrontada e confortada. Chorei e ri. Vi o chão fugir dos meus pés e senti braços amigos me sustentando.
Alguns bateram a porta na despedida; outros chegaram com presentes. No balanço, somei amigos. E que amigos!
Vi sonhos crescendo e outros ruindo. Adaptei-me às mudanças de planos e ao fim constato que o saldo é bastante positivo.
Às portas do ano que chega, sinto-me íntegra, mais mulher, mais forte. A dor que a alma sentiu, refletiu no corpo, mas a cada dia dói menos. As cicatrizes ainda estão comigo e conservo o cuidado ao pisar.
Valeu a pena, pois se alma apequenou-se diante das tormentas, alargou-se com os abraços, a ousadia , a irmandade, a coragem, o perdão e a verdade. Foi dessa forma que cruzei o Bojador.
No limiar de 2009 o coração bate em allegro ao perceber o quanto venci e a vitória maior vem com a filha que se formou em arquitetura com louvor. Conquista dela que chega a mim e adoça o coração.
Nada prometo para o próximo ano, porém chegarei lá mais segura e dando graças a Deus. Será com sal e mel que continuarei alimentando os que moram em meu coração.
Nesse momento me despeço de qualquer traço amargo e pinto com alegria e esperança meu cartão de Feliz Ano Novo que envio a vocês, desejando saúde, amor e paz.

Evelyne Furtado.




" Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu."

Fernando Pessoa, em Mar Português.

2 comentários:

Klatuu o embuçado disse...

Os meus votos de um excelente 2009!

Beijinhos.

Evelyne Furtado disse...

Bem-vindo outra vez, Klatuu! Feliz 2009 para você também. Beijos